Pages

Monday, May 22, 2006

Paradoxo imobiliário

Ser a favor da destruição da propriedade privada alheia por alegadamente não coincidir com níveis de qualidade mínimos determinados aleatoriamente e também a favor da atribuição de uma nova propriedade privada aos previamente destituídos da sua (novamente, segundo critérios de qualidade definidos subjectivamente mas que desta vez afectam os visados de forma objectiva), financiada com o dinheiro - coercivamente retirado - destes mesmos destituídos e com o daqueles que não concordam com a destruição da propriedade privada. E igualmente com o daqueles que concordando com a primeira parte do enunciado, estariam, ironicamente, contra a segunda.

Queda a dúvida. Terá sido a causa de tudo isto a falta de certificação dos construtores por parte da Ordem dos Arquitectos?
Post a Comment